Resistindo às tentações

Como se sabe, a igreja de Corinto era uma igreja que sofria com heresias, meninices e questões de imoralidade. No capítulo dez, Deus inspira o apóstolo Paulo a motivar os coríntios a resistir às tentações. “Não veio sobre vós tentação, senão humana; mas fiel é Deus, que não vos deixará tentar acima do que podeis, antes com a tentação dará também o escape, para que a possais suportar.” (1 Co 10.13)
A palavra grega para “tentação”, utilizada aqui nessa passagem, é “peirasmos” e significa: tribulação, perseguição, teste, sofrimento, incitação ao pecado. As tentações de que Paulo está falando são “humanas”, ou seja, são comuns ao nível do ser humano; está no contexto terrestre. São desafios para a nossa vida, para o nosso dia-a-dia. Deus nos prova, mas não nos tenta para praticarmos o mal; porém, permite que a tentação venha sobre nós. Um exemplo claro está na tentação que Jesus enfrentou no deserto. A Bíblia diz que foi Satanás quem o tentou, porém foi o Espírito Santo quem o conduziu até o deserto.

Ele exerce controle sobre todas as tentações que, como crentes, enfrentamos, permitindo somente aquelas que podemos suportar. Ele provê um meio de escape para cada teste, cada sofrimento, cada perseguição, ou cada incitação à prática do mal (pecado). Por isso que Paulo o chama de “Deus fiel”. Podemos confiar nEle. O autor aos Hebreus, no capítulo quatro diz:

“Portanto, visto que temos um grande sumo sacerdote que adentrou os céus, Jesus, o Filho de Deus, apeguemo-nos com toda a firmeza à fé que professamos, pois não temos um sumo sacerdote que não possa compadecer-se das nossas fraquezas, mas sim alguém que, como nós, passou por todo tipo de tentação, porém, sem pecado. Assim sendo, aproximemo-nos do trono da graça com toda a confiança, a fim de recebermos misericórdia e encontrarmos graça que nos ajude no momento da necessidade.” (Hb 4.15)

O convite é para confiarmos em Jesus Cristo quando estivermos em momentos de necessidade e tentações (peirasmos), porque Ele vencer todo tipo de tentação pó nós. E agora, através dessa graça, podemos encontrar ajuda para escaparmos e vencermos também.

O escape não nos é dado através da ausência de todas as tentações; nem por sermos livres das provações. O escape só aparece através da resistência e da persistência do crente em permanecer e depender do Bom Pastor (Sl 23.1-5). Jesus é o escape que o Deus fiel provê para podermos suportar.

E por que é importante resistir à tentação? É importante primeiramente porque se ela não for vencida destruirá nossa vida moral, social e espiritual. Segundo porque tem promessa para aquele que resiste: a coroa da vida:“Feliz é o homem que persevera na provação, porque depois de aprovado receberá a coroa da vida que Deus prometeu aos que o amam” (Tg 1.12).

E terceiro porque provações e tentações são utilizadas por Deus para promover o nosso amadurecimento espiritual, nos ajudando na caminhada rumo ao Reino de Deus: “fortalecendo os discípulos e encorajando-os a permanecer na fé, dizendo: “É necessário que passemos por muitas tribulações para entrarmos no Reino de Deus”. (At 14.22).

Resista às tentações que aparecem diante de você. Lembre-se que Jesus nos ensinou a orar pedindo ao Pai celestial que não nos deixe cair em tentações, e que nos livre do mal. Isso significa que tentações sempre virão, mas podemos resisti-las com a ajuda daquele que tem “o Reino, o poder e glória para sempre” (Mt 6.13).

***
Por Pr. Anderson Guarnieri
Fonte: Sou da Promessa


Petrucio junior

Tenho 18 anos sou estudante, moro no estado de alagoas na cidade de União dos Palmares. Fui cristão a minha toda porem só tive um encontro verdadeiro com cristo no ano passado, de lá pra cá minha vida foi completamente transformada pelo senhor jesus, e hoje em dia me considero apenas mais um cristão querendo seguir a cristo e inconformado com o cristianismo atual.

You may also like...